Instituto Ethos

Compartilhar

Árvore da Vida Jardim Teresópolis

Eixo temático

• Direitos Humanos

• Comunidade

• Sociedade

 

Data de início

2004

 

Principal objetivo da prática

Promover a inclusão social de crianças e adolescentes por meio de práticas socioeducativas e de jovens e adultos através de ações de capacitação profissional, empreendedorismo, encaminhamento ao mercado de trabalho, além do fortalecimento da comunidade.

 

Motivação

A Fiat Automóveis já tinha um histórico de apoio a ações sociais desde sua implantação em 1976 em Betim, Minas Gerais. Com o amadurecimento do conceito de responsabilidade social corporativa, entendeu que a criação de uma política de intervenção para a promoção do desenvolvimento local inclusivo era um importante caminho de diálogo com a comunidade do entorno, o Jardim Teresópolis, uma vez que a região possuía, em 2003, altos índices de vulnerabilidade social.

A empresa realizou, então, um amplo diagnóstico do território para a definição do perfil de intervenção. Educação, trabalho, capital social e relações familiares foram patrimônios identificados como importantes de serem fortalecidos e três linhas de atuação foram traçadas para o alcance dos objetivos: ações socioeducativas, fortalecimento da comunidade e geração de trabalho e renda.

 

Descrição da prática

Após o diagnóstico, o Programa iniciou suas atividades em 2004 e, desde então, são oferecidas para a comunidade do Jardim Teresópolis ações esportivas, socioculturais, de geração de trabalho e renda e fortalecimento da comunidade. Crianças e adolescentes participam de grupos de canto, dança e percussão, formação cidadã e reforço escolar. Jovens e adultos são qualificados e encaminhados ao mercado de trabalho e empreendedores são apoiados em suas atividades comerciais. Em 2006, foi criada uma cooperativa para produção de artigos a partir de refugos da indústria automotiva (sobretudo aparas de cinto de segurança e tecido automotivo), e, em parceria com as escolas formais, são oferecidos cursos complementares aos educadores.

O programa conta ainda com uma Rede de Desenvolvimento para articulação social entre cidadãos e instituições locais.

 

Parcerias

Ciente de que para tornar perene um programa dessa magnitude é necessário promover a integração entre os diversos setores da sociedade, a Fiat conta com parceiros como governo, fornecedores, universidades, instituição não governamentais e de ensino e a própria comunidade.

Essas parcerias se dão em diferentes níveis e de acordo com o interesse e a disponibilidade de cada um, podendo ser desde a doação de recurso físico ou financeiro até a participação na gestão das atividades do programa ou oferecimento de cursos e vagas para inserção em postos de trabalho.

Para tanto, foi criada a estrutura da Rede Fiat de Cidadania, que faz a gestão dessas diversas parcerias e promove a troca de experiências, consolidando-se como uma importante iniciativa de engajamento desses diferentes atores nas ações do programa. A Rede conta, atualmente, com 57 membros

 

Investimento

O financiamento do Árvore da Vida Jardim Teresópolis se dá por meio de recursos de incentivo fiscal e recursos próprios (econômicos e não econômicos) da Fiat e de algumas empresas e instituições da Rede Fiat de Cidadania. A empresa também mantém uma estrutura de pessoal dedicada às ações do programa, além de compartilhar suas competências tecnológicas e de infraestrutura sempre que necessário.

 

Ferramentas de gestão

O modelo de gestão escolhido para a implantação do programa Árvore da Vida Jardim Teresópolis foi a parceria com duas instituições do terceiro setor com experiência em projetos de desenvolvimento social, que ficaram responsáveis por sua gestão operativa.

A gestão estratégica é compartilhada pelas duas ONGs e por uma equipe da Fiat Automóveis dedicada ao tema do relacionamento com a comunidade. Essa equipe foi sendo fortalecida ao longo dos anos, seja com o aumento do número de pessoas contratadas, seja com a ampliação do escopo de atuação para a gestão do investimento social privado e o tema da sustentabilidade.

Também foi instituído um grupo formado por lideranças locais, o Grupo de Referência, que atua na definição de estratégias de implementação das ações no território e representa um importante ponto focal para a realização de atividades de engajamento com a comunidade.

O diagnóstico realizado em 2003 para a definição do escopo de atuação do Árvore da Vida Jardim Teresópolis é repetido a cada três anos, para o acompanhamento dos principais indicadores de impacto da região (nível de escolaridade, renda, situação socioeconômica das famílias, moradia, empregabilidade, entre outros). Além disso, o programa possuiu uma ferramenta de indicadores próprios desenvolvida para mensurar seus resultados, a cada ano, e a efetividade da sua gestão, em média a cada dois anos.

As principais ferramentas de report são o Relatório de Relacionamento com a Comunidade Fiat e o Relatório de Sustentabilidade do Grupo Fiat, ambos publicados anualmente, o primeiro em nível nacional e o segundo global, considerando as ações da empresa ao redor do mundo. O primeiro inclui informações sobre o Árvore da Vida em suas três vertentes – Jardim Teresópolis, Parceiras e Capacitação Profissional – e o apoio a algumas inciativas para Cidades Sustentáveis, como o Nossa Betim.

O plano de comunicação para o programa, por sua vez, inclui assessoria de imprensa e um forte trabalho de divulgação das vagas disponíveis na comunidade, assim com das ações realizadas, em diversos veículos de comunicação interna, impressos e on-line.

Tudo isso tem garantido um índice de reputação forte da empresa perante o público interno e a comunidade, em pesquisas conduzidas periodicamente pela Fiat.

 

Resultados e benefícios

Em quase dez anos de atuação, o Árvore da Vida Jardim Teresópolis já beneficiou diretamente cerca de 19 mil pessoas, entre crianças, adolescentes, jovens e adultos. O índice de aprovação escolar entre os alunos do programa aumentou de 71% em 2004 para 97,2% em 2012 e a taxa de frequência escolar passou de 78% para 99,4%, no mesmo período. A renda média das famílias da região aumentou 130% desde 2004, índice bem maior que a média de 65,5% observada no Brasil.

Entre pessoas que participam ou já participaram do programa, o índice de aprovação é de 93,6% e cerca de 25% das famílias da região têm ou tiveram pelo menos uma pessoa participando de alguma atividade, um dado importante da abrangência alcançada.

 

Contato

Nome: Ana Veloso

E-mail: ana.veloso@fiat.com.br

 

Dados da empresa

Nome: Fiat Automóveis

Setor: Automotivo

Porte: Grande Porte

Localização: Minas Gerais

Website: www.fiat.com.br

CONTATO

© 2016 Instituto Ethos - Todos os direitos reservados.