Projetos

sitemap:

Empresa Pro-Ética

 

O Cadastro Nacional de Empresas Comprometidas com a Ética e a Integridade (Empresa Pró-Ética) é uma iniciativa do Instituto Ethos e da Controladoria-Geral da União (CGU) com o objetivo de avaliar e divulgar as companhias voluntariamente engajadas na construção de um ambiente de integridade e confiança nas relações comerciais, inclusive nas que envolvem o setor público.

O Pró-Ética busca dar visibilidade às empresas que compartilham a ideia de que a corrupção é um problema que deve ser prevenido e combatido não só pelo governo, mas também pelo setor privado e por toda a sociedade. Ao aderir ao cadastro, a organização assume o compromisso público e voluntário, perante o governo e a sociedade, de que adota medidas para prevenir e combater a corrupção, em favor da ética nos negócios.

A parceria entre o Instituto Ethos e a CGU surgiu para reagir contra o alto custo social, político e econômico gerado pela corrupção, e pago, de uma maneira ou de outra, por empresas, governos e cidadãos. Assim como suas consequências, a corrupção não tem suas causas apenas no setor público: trata-se de um mal que é produto dos mais diversos setores da sociedade e só será mitigado se todos trabalharem juntos para esse objetivo.

O Pró-Ética faz parte de um conjunto de ações voltadas para prevenir a corrupção e promover a ética e a integridade no meio corporativo e representa um marco para novos tempos nas relações entre Estado e setor privado, assim como nas relações entre empresas e sociedade.

O objetivo da iniciativa é consolidar e divulgar os nomes das empresas que adotam voluntariamente medidas reconhecidamente desejadas e necessárias para que se crie um ambiente de integridade e confiança nas relações entre o setor público e o setor privado, além de conscientizar as empresas de seu papel no enfrentamento da corrupção ao se posicionarem afirmativamente pela prevenção e pelo combate às práticas ilegais e antiéticas e em defesa de relações socialmente responsáveis.

Para participar do cadastro é necessário que as empresas possuam uma série de ferramentas para prevenir a corrupção internamente, tais como código de conduta, políticas de auxílio ao poder público no combate à lavagem de dinheiro, sistemas de controle interno e auditoria.

Acesse www.cgu.gov.br/proetica e saiba mais sobre o Pró-Ética.

Conheça as empresas aprovadas para o Pró-Ética 2015:

3M do Brasil
ABB
AES Eletropaulo
AES Sul
AES Tietê
AES Uruguaiana
Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE)
Centrais Elétricas de Santa Catarina (CELESC)
Dudalina
Duratex
EDP Energias do Brasil
Elektro Eletricidade e Serviços
EY
GranBio
ICTS
Osram do Brasil Lâmpadas Elétricas
Santander Brasil
Siemens
SNC-Lavalin Meio Ambiente

Tags:
  • No h tags associadas a esse post

Publicações Relacionadas