INDICADORES ETHOS

Ethos Apresenta Iniciativa para a Inclusão de Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho


28/11/2016

Compartilhar

Ferramenta incentiva melhores práticas na gestão de PCDs nas empresas

Ethos-REIS

Na última sexta-feira (25/11), o Instituto Ethos anunciou a criação do Guia Temático: Indicadores Ethos-REIS para a Inclusão da Pessoa com Deficiência. A previsão é de que o  Guia Temático em parceria com a Rede Empresarial de Inclusão Social (REIS), composta por mais de 100 empresas, ONGs e instituições públicas, seja lançado em 2017.

No encontro com representantes das empresas que fazem parte da REIS, Caio Magri, diretor executivo do Instituto Ethos, apresentou a proposta de desenvolvimento do Guia Temático, que é uma ferramenta de diagnóstico, planejamento e gestão, com orientações para as empresas evoluírem em suas práticas e na gestão da diversidade.

“A inclusão de PCDs nas empresas é um processo que precisa ser pensado além da Lei de Cotas, além de um mero cumprimento da lei para evitar punições. Deve ser pensado como uma forma de aprendizado, de inclusão e de promoção da diversidade nos ambientes de trabalho, resultando em mais oportunidades tanto para os PCDs quanto para as empresas”, ressalta Caio.

A iniciativa visa mudar a realidade da inclusão de PDCs no mercado de trabalho. Segundo o Perfil Social, Racial e de Gênero das 500 maiores empresas do Brasil e suas ações afirmativas , as pessoas com deficiência ocupavam 2% do quadro de funcionários, 0,64% do quadro executivo e 0,41% das funções gerenciais são compostas por pessoas com deficiência. Para o desenvolvimento do Guia, sete empresas que fazem parte da Rede já manifestaram interesse em patrociná-lo, sendo elas: Ernst & Young, IBM, JLL, Natura, Raia Drogasil, Serasa Expirian e Tozini e Freire.

Sobre a Rede Empresarial de Inclusão Social – REIS
Em maio de 2012, no 26º Fórum de Empregabilidade Serasa Experian, com a participação de mais de 60 empresas e da Organização Mundial do Trabalho (OIT), foi pensada a criação de uma rede nacional de empregadores de pessoas com deficiência. Em virtude das políticas e práticas de Inclusão Social e de Diversidade serem importantes pontos de atenção para os participantes do Fórum, além de parte significativa do dia a dia das empresas e das cidades brasileiras, algumas das empresas participantes do Fórum se voluntariaram a integrar a iniciativa de criação da Rede.

As empresas, Accenture, Ernst & Young Terco, Dow, Gtcon, GPA, IBM Brasil, Magazine Luiza, JLL, Natura, Raia Drogasil, Serasa Experian e TozziniFreire Advogados, se engajaram nesse objetivo que culminou na fundação da Rede Empresarial de Inclusão Social. Esse grupo inicial de empresas hoje compõe o Grupo Diretor da Rede Empresarial, chancelada e reconhecida pela Organização Mundial do Trabalho.

Além das 12 empresas que compões o Grupo Diretor, há atualmente mais de 100 empresas integrantes da Rede Empresarial. As organizações do Terceiro Setor e as autarquias governamentais também participam como convidados dos encontros da Rede que visam abarcar o máximo de segmentos com vistas ao cumprimento de sua missão.


Lei de Cotas – Lei 8.213 de 24 de julho 1991
A legislação de 1991 prevê que, para empresas com mais de 100 funcionários, de 2 a 5% do total de empregados sejam Pessoas com Deficiência – PCDs. A porcentagem varia de acordo com o número total de funcionários.

Em 2015, 403,2 mil pessoas com deficiência atuam formalmente no mercado de trabalho, segundo dados da Relação Anual de Informações Sociais – Rais 2015, divulgada pelo Ministério do Trabalho.

Por Bianca Cesário, do Instituto Ethos

CONTATO

  • endereçoRua Bela Cintra, 952 - 9º andar - Consolação
  • endereço01415-904 São Paulo - SP
  • telefone(55 11)3897-2400
  • email[email protected]
  • horárioSeg a Sex - das 9:00h às 18:00h
  • imprensa(55 11)3897-2416 / [email protected]

© 2016 Instituto Ethos - Todos os direitos reservados.